quinta-feira, 18 de julho de 2019

Incêndio criminoso deixa 33 mortos no Japão


NHK 
Incêndio, Kioto, Estúdio, JapãoO Corpo de Bombeiros de Kyoto confirmou que 33 pessoas morreram e que 36 ficaram feridas em razão de um ataque criminoso suspeito em um estúdio de animação em Kyoto.
Segundo a polícia, um homem espalhou o que aparentava ser gasolina dentro do estúdio Kyoto Animation e incendiou o prédio pouco depois das 10h30 de hoje (18). Foram necessárias aproximadamente cinco horas para combater as chamas.
As autoridades policiais informaram que cerca de 70 pessoas, empregados do estúdio em sua maioria, estavam no local quando o fogo teve início.
A polícia disse acreditar que o suspeito é um homem de 41 anos, de acordo com a carteira de motorista que ele portava. O suspeito foi detido e está sendo tratado em um hospital devido a ferimentos. Ao ser transportado para o hospital, o homem teria admitido que espalhou o líquido no estúdio de animação antes de colocar fogo no local.
Fontes investigativas mencionaram testemunhas segundo as quais o suspeito mandou que as pessoas morressem enquanto iniciava o incêndio.
As fontes disseram que vários objetos pontiagudos semelhantes a facas foram encontrados no local, mas elas não souberam informar se o material pertencia ao homem

Previsão de pancadas de chuvas entre esta quinta e o fim de semana em Natal e interior; confira

Na análise e previsão do tempo, até o próximo domingo (21), a Gerência de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), prevê mais uma semana de céu parcialmente nublado em todas as regiões do Estado. As instabilidades de origem oceânicas, associadas ao sistema de brisa manterão o céu com predominância de parcialmente nublado e ocorrência de pancadas de chuva durante o período noturno e início das manhãs em todos os dias da semana ao longo da faixa litorânea leste podendo atingir alguns municípios do Agreste.
Segundo o meteorologista Gilmar Bristot, para o interior do RN haverá predominância na semana de céu variando entre parcialmente nublado a claro e temperaturas mínimas um pouquinho abaixo do normal nas regiões serranas.
A previsão para esta quinta-feira (18) é deu céu parcialmente nublado com pancadas de chuva no Litoral Leste e Agreste, parcialmente nublado a claro nas demais regiões. Na sexta-feira (19) o céu estará parcialmente nublado a claro em todo o Estado, com pancadas de chuvas fracas ao longo da faixa litorânea leste. O sábado (20) também será de céu parcialmente nublado a claro em todo o Estado, com pancadas de chuvas fracas ao longo da faixa litorânea leste. O domingo (21) também será de céu parcialmente nublado com pancadas de chuvas ao longo da faixa litorânea leste. Claro nas demais regiões do Estado.

Motorista avança em manifestação e mata trabalhador rural

Elaine Patricia Cruz
Um motorista avançou hoje (18) com uma caminhonete sobre manifestantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), em Valinhos, no interior paulista, matando um homem de 72 anos e ferindo outras pessoas. A prefeitura confirmou a morte do idoso.
A Secretaria de Segurança Pública (SSP) e o MST informaram que Luiz Ferreira da Costa, integrante do movimento, foi levado de ambulância para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Valinhos, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo a SSP, o local está sendo periciado e já foram requisitados exames para as vítimas no Instituto Médico Legal (IML). O caso está sendo investigado pelo 1º Distrito Policial de Valinhos como homicídio simples e lesão corporal. A Polícia Civil faz diligências para identificar o motorista.
A Polícia Militar informou que os manifestantes fechavam a Estrada de Jequitibá, impedindo a passagem de veículos, quando um motorista, ainda não identificado, avançou sobre os manifestantes por volta das 8h da manhã. Três pessoas foram socorridas. O motorista fugiu sem prestar socorro.
De acordo com o MST, os manifestantes estavam à altura do km 7, em frente ao acampamento, quando foram surpreendidos pela caminhonete em alta velocidade. De acordo com o movimento, há vários feridos. No protesto, as famílias pressionavam a prefeitura por fornecimento de água para o acampamento.
A prefeitura de Valinhos disse que os integrantes do acampamento estão cadastrados no órgão e que são atendidos nos serviços de saúde e educação do município. O órgão disse ainda que tem fornecido água à ocupação por meio de caminhões-pipa.

Feliciano chama de “histeria coletiva” as críticas à possível indicação de Eduardo Bolsonaro para a embaixada nos EUA

Marco Feliciano escreveu para a Folha de S. Paulo um artigo em que defende a indicação de Eduardo Bolsonaro para a embaixada brasileira nos Estados Unidos.
“Para além da histeria coletiva que toma conta do establishment brasileiro, que diariamente tenta ganhar ‘no tapetão’ o poder que perdeu nas urnas, a indicação do deputado Eduardo Bolsonaro para chefiar a embaixada brasileira em Washington deve ser analisada sob o prisma da racionalidade administrativa, assim como todos os negócios de Estado”, escreve o deputado do Podemos.
“Com apenas 35 anos, e pela atual conjuntura o presuntivo herdeiro político do pai, Eduardo praticamente abre mão de seu futuro político ao se isolar a 7.000 quilômetros de Brasília, tudo para se doar ao Brasil e às ideias que acredita”, acrescentou ele.
O Antagonista

Inquérito do caso Adélio desconstrói fake news sobre facada em Bolsonaro, diz delegado


Passados dez meses desde que Adélio Bispo desferiu uma facada no então candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL), a Polícia Federal tem direcionado esforços para investigar se ele agiu sozinho.
Até agora, segundo Rodrigo Morais, delegado responsável pelo caso, não há indicativo de que outras pessoas estejam envolvidas.
“Na verdade, a gente tem desconstruído muitas fake news que apontam participação de outras pessoas. Temos demonstrado, através de perícia e outras diligências policiais, que muitas não procedem”, afirma.
A polícia considera que já ficou comprovado que Adélio estava sozinho no ato de campanha no centro de Juiz de Fora (MG) quando atacou Bolsonaro, em setembro de 2018. Contudo, ainda apura se alguém o incentivou ou custeou suas despesas.
Entre os boatos que circulam na internet e que são checados pela investigação está o vídeo “Facada no mito”, uma teoria conspiratória que diz que Bolsonaro teria forjado o ataque a si mesmo. O vídeo de quase uma hora tem mais de 1 milhão de visualizações no YouTube.
Outro vídeo que foi apurado chegou a ser compartilhado pelo próprio presidente Bolsonaro em seu perfil no Twitter, no dia 11 de junho.
Nele, o advogado de defesa de Adélio, Zanone Manuel de Oliveira, abordado em Juiz de Fora (MG) por uma mulher, responde à pergunta “a quem interessa esconder quem mandou matar Bolsonaro” dizendo: “a pessoa que me pagou”.
No mesmo vídeo, o advogado diz que teve despesas bancadas por emissoras de televisão.
Na última segunda-feira (15), Zanone prestou depoimento à Polícia Federal para esclarecer as afirmações. À Folha ele disse que se referia a jornalistas que insistiram em pagar almoços, jantares ou cafés quando se encontravam para entrevistas sobre o caso.
Ele também afirma que, quando falou sobre despesas pagas por emissoras, referia-se a uma viagem a Campo Grande (MS) —onde Adélio está preso— paga por um canal que queria uma entrevista com seu cliente.
Em depoimento, Zanone manteve a versão que tem contado desde que assumiu o caso. Segundo ele, um dia depois do atentado a Bolsonaro, uma pessoa o procurou e pagou R$ 5.000 adiantados. Com a repercussão, porém, a pessoa, que frequentava a mesma igreja de Adélio, sumiu. O advogado decidiu seguir com a defesa mesmo assim.
À PF Zanone contou ainda que quem o contratou seria de Montes Claros (MG). Em março, a polícia fez um pedido para que a Advocacia-Geral da União (AGU) entre com recurso contra a decisão do Tribunal Federal da 1ª Região, que suspendeu as investigações sobre o advogado.
“Infelizmente, a pessoa não voltou para acabar de acertar. Eu não teria colocado aquela equipe toda, no início, se eu não estivesse na esperança de celebrar um contrato grande”, diz Zanone.
Segundo o delegado Rodrigo Morais, o inquérito, que corre em sigilo, é acompanhado desde o início pelo advogado de Bolsonaro. Ele teria, inclusive, proposto algumas diligências à investigação.
“Ele é vítima, ele é parte interessada, o advogado dele acompanha o inquérito. Para ele não teria sigilo não”, explica.
Passados dez meses do crime, a investigação já ouviu mais de 100 pessoas que conviveram ou encontraram com Adélio nos últimos anos. O prazo de conclusão do inquérito vence no final de agosto, mas ele pode ser prorrogado. A PF ainda deve ouvir mais pessoas e periciar materiais. “A ideia é encerrar todas as possibilidades. Não deixar nenhuma dúvida”, afirma o delegado.
Na terça-feira (18), o processo contra Adélio, que corria na Justiça Federal, foi encerrado. Nem o Ministério Público Federal nem Bolsonaro recorreram à sentença que reconheceu que Adélio é portador de transtornos mentais e o considerou inimputável —incapaz de responder pelos próprios atos.
Na decisão, que o enquadrou na Lei de Segurança Nacional por crime político, Adélio recebeu medida de segurança, que prevê internação em um hospital de custódia, com tratamento psiquiátrico. O juiz decidiu mantê-lo no presídio federal onde ele está desde setembro, para garantir sua integridade física.
Folha de São Paulo

Asteroide QV89 não está em rota de colisão com a Terra, garante a ESA

No mês passado, a ESA tinha o asteroide 2006 QV89 em sua lista de objetos com risco potencial de se chocar contra a Terra, com uma chance de uma em 7 mil de isso acontecer em setembro de 2019. Contudo, após análises mais aprofundadas, a agência espacial europeia agora disse que o objeto de cerca de 50 metros de diâmetro não representa nenhum risco, já que ele não está em rota de colisão com a Terra neste ano.
Ainda, a chance de qualquer impacto futuro deste objeto com o nosso planeta é extremamente remota. A ESA explica que “em geral, quando um asteroide tem uma pequena chance de impactar a Terra, outras observações e medições são feitas, e esses dados ‘astrométricos’ refinam nossa compreensão do caminho do asteroide, melhorando nossa compreensão do risco que ele representa e, muitas vezes, excluindo qualquer chance de colisão”. E foi exatamente isto o que aconteceu agora com a previsão de colisão do QV89.
O objeto foi descoberto em agosto de 2006 e depois observado por apenas dez dias, com tais observações da época sugerindo que ele tinha essa possibilidade de uma em 7 mil de impactar a Terra precisamente no dia 9 de setembro de 2019. Depois desses dez dias, o asteroide não foi mais visto, e depois de mais de uma década ficou muito difícil prever sua posição com precisão para uma nova observação — então a ESA não teria como apontar um telescópio para confirmar a previsão de 2006.
No entanto, os cientistas da agência deram um “jeitinho” para obter as informações necessárias para verificar o potencial perigo que o QV89 representaria. Ainda que não se saiba exatamente a trajetória do asteroide, os cientistas sabiam onde o objeto apareceria no céu caso estivesse em rota de colisão; portanto, a ideia foi vasculhar essa área exata do céu, com telescópios, para tentar encontrá-lo.
Isso foi feito pela ESA com o Observatório Europeu do Sul (ESO) nos dias 4 e 5 de julho usando o Very Large Telescope (VLT). As equipes então obtiveram imagens bastante profundas daquela área do céu, onde o asteroide estaria caso estivesse em vias de impactar nosso planeta em setembro. E, bem, absolutamente nada foi visto ali.

Na imagem acima, vemos a região do céu onde o QV89 teria sido visto caso estivesse mesmo chegando pertinho da Terra. As três cruzes vermelhas mostram as localizações específicas onde o asteroide poderia ter aparecido, mas não há nenhum objeto aparecendo ali. E mesmo se ele fosse menor do que o estimado, com poucos metros de diâmetro, ele teria sido visto na imagem ao menos como um ponto brilhante de um jeito singular, e se ele fosse muito menor do que isso, o VLT não seria capaz de fotografá-lo — contudo, se fosse este o caso, o objeto seria totalmente queimado em nossa atmosfera num ato de colisão, sem representar risco algum.
Canal Tech, via ESA

Começa temporada de observação de baleias no Uruguai

Marieta Cazarré
Baleia Jubarte 2As baleias já chegaram à costa uruguaia. Os animais aproveitam as águas tranquilas da região para fazer uma escala em sua rota migratória. Param para acasalar, dar à luz e realizar os primeiros cuidados com os filhotes. Durante a temporada de avistamento, entre julho e outubro, as baleias se preparam para seguir a viagem que começou na Antártida e segue rumo às águas mornas de Santa Catarina, no Brasil.
A espécie avistada é a baleia franca austral (Eubalaena australis), que chega a medir 16 metros de comprimento e pesa entre 45 toneladas e 60 toneladas. Não se sabe ao certo quanto tempo vivem esses animais, mas se presume que entre 50 anos e 70 anos.
Para ver as baleias é preciso ter paciência, mas há sinais que podem ajudar. A presença de uma revoada de gaivotas, por exemplo, pode ser um indicativo, já que esses pássaros gostam de se agitar no vapor de água que eles produzem ao expirar.

Características A respiração das baleias franca é uma característica que as diferencia de outros grandes cetáceos. Elas exalam em forma de V devido a dois orifícios respiratórios que têm na cabeça. A nuvem de vapor, consequência da expiração para esvaziar os pulmões, pode alcançar 4 metros de altura.
Elas se deslocam a uma velocidade entre 15 km/h e 30 km/h e se alimentam de pequenos organismos, principalmente de krill, um cetáceo pequeno parecido ao camarão, que filtram através de barbas largas.
A Organização de Conservação de Cetáceos do Uruguai (OCC) informou que 26 espécies de cetáceos já foram registradas nas águas do país, entre elas, a baleia franca austral, o golfinho franciscana e as orcas.

Preservação Essa espécie, que chegou a contar com pelo menos 300 mil exemplares, já esteve ameaçada de extinção. Atualmente estima-se que existam cerca de 7 mil animais. Segundo o Ministério do Turismo uruguaio, graças ao trabalho de conservação, a população da baleia franca austral cresce a uma taxa anual de 7%.
Em 2013, o país foi declarado "santuário de baleias e golfinhos", e proíbe qualquer ação que cause dano aos animais, como caça, perseguição, pesca, apropriação ou processos de transformação e comércio de qualquer espécie de cetáceos.

Observação Existem nove plataformas costeiras de avistamento, estrategicamente situadas para a observação dos enormes mamíferos a partir das praias do leste uruguaio. Há também empresas que fazem passeios de barco para a observação não apenas das baleias, mas também de lobos-marinhos, albatrozes e tartarugas. Os pontos de melhor observação estão nas localidades de Piriapolis, Punta del Este, La Paloma, La Pedrera, Santa Teresa e Cerro Verde.
A forma menos agressiva de avistamento é com binóculos, desde as praias. Essa modalidade evita a invasão do espaço dos animais e não impacta o meio ambiente.

Inscrições no IFRN para vagas remanescentes dos Cursos Técnicos Subsequentes 2019.2 encerram nesta sexta

A Pró-reitoria de Ensino (Proen), através da Coordenação de Acesso Discente (Cadis) do IFRN,  disponibiliza o Edital 27/2019 – Proen referente as Vagas Remanescentes dos Cursos Técnicos de Nível Médio na Forma Subsequente 2019.2.
O Processo Seletivo para ingresso no primeiro período dos Cursos Técnicos ofertados pelo IFRN, utilizará para classificação dos candidatos, exclusivamente, as notas obtidas nas edições 2016, 2017 ou 2018 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
A inscrição iniciada nessa segunda-feira (15), vai até às 17h desta sexta-feira(19 de julho), unicamente via internet, através do Portal do Candidato por meio do sítio do Sistema Gestor de Concursos (SGC) do IFRN.
ACESSE:
Com informações do IFRN

Os riscos do FaceApp, o aplicativo da moda que envelhece o seu rosto; cerca de 150 milhões estão com seus nomes e fotos salvos

Segundo reportagem da Forbes, cerca de 150 milhões de pessoas estão com seus nomes e fotos salvos nos servidores do aplicativo
Não há dúvidas de que o FaceApp, número um nas principais lojas de aplicativos do mundo, e com uma difusão nas redes sociais que recebe a qualificação de viral, é o sucesso do momento. Se você ainda não conhece esse famoso aplicativo é possível que não frequente muito o Twitter e demais redes sociais, uma vez que sua presença nas mesmas é, hoje, maciça. Em que consiste exatamente o FaceApp e por que surgem os primeiros alarmes entre os especialistas em segurança?
O aplicativo emprega um sistema neuronal baseado na inteligência artificial que analisa a fotografia subida automaticamente aos seus servidores para conseguir os efeitos desejados, envelhecer ou rejuvenescer, ao protagonista da foto com um realismo surpreendente. Até aí, nada de novo que não aconteça diariamente com centenas de aplicativos no mundo todo, mas no caso do FaceApp existem duas realidades que fizeram disparar os alarmes: os servidores estão na Rússia, por um lado, e por outro, a política de privacidade é suficientemente vaga para que se pense duas vezes antes de aceitar seu termos.
O fato de que a base central esteja fora da União Europeia dificulta a aplicação da legislação continental sobre proteção de dados, a mais exigente das existentes nos principais países.
Por outro lado, quando se aceitam as condições de uso do aplicativo, é especificado no pedido de autorização que os dados podem ser cedidos a terceiros, mas não os usos que essas empresas poderiam fazer da informação. Além disso, não costuma ser um elemento no qual os usuários reparam quando continuam com a instalação.
Os primeiros alarmes sobre os riscos que o usuário corre ao baixar e utilizar o aplicativo não demoraram a chegar: sabemos exatamente o que acontece com as fotografias quando são transformadas e devolvidas ao usuário? Os termos de privacidade são muito vagos para despertar suspeitas e, como se não bastasse, os criadores do aplicativo dizem no contrato aceito pelo usuário que seus dados podem ser cedidos a terceiros. “É algo muito preocupante”, diz ao EL PAÍS Borja Adsuara, advogado especialista em comunicação digital, que também acusa as lojas digitais por não adotarem medidas cautelares.
Adsuara pede medidas de proteção ao usuário semelhantes às existentes na alimentação, “se não se pode comprar um alimento em mau estado em uma loja, por que se permite baixar aplicativos com código malicioso?”, se pergunta em relação aos programas que podem ferir a privacidade. O especialista recomenda que seja o usuário a avaliar se compensa “vender sua alma” em troca de uma foto retocada.
Dani Creus, analista de segurança da Kaspersky também alerta sobre os riscos de compartilhar fotos com terceiros: “Devemos ter em mente que ao subir algo à nuvem, perdemos seu controle”, diz ao EL PAÍS. O especialista diz novamente que, hoje em dia, o melhor aliado do usuário na Internet é “o bom senso”.
El País

Brasileira conquista primeiro título do país no Mundial de esgrima

Pela primeira vez na história, o Brasil tem uma atleta medalhista no Campeonato Mundial de Esgrima, e a estreia no pódio veio justo no lugar mais alto dele.
Nesta quinta (18), Nathalie Moellhausen, 33, venceu a chinesa Sheng Lin na decisão da competição individual de espada do Mundial, realizado em Budapeste, na Hungria. A vitória veio no tempo extra, por 13 a 12.
A campanha histórica do país surpreendeu, já que a brasileira é atualmente a 22º colocada do ranking na sua especialidade. Antes da chinesa, 13º do ranking, ela derrotou Vivian Kong, de Hong Kong (terceira melhor da lista) na semifinal.
Outras favoritas ficaram pelo caminho. Primeira colocada do ranking da espada, a italiana Mara Navarria foi eliminada na segunda rodada do Mundial. Vice-líder, a romena Ana Maria Popescu caiu nas oitavas de final.
Nascida em Milão, Nathalie tem cidadania brasileira por causa de sua família materna. Ela é filha da estilista ítalo-brasileira Valeria Ferlini. O sobrenome de origem alemã é da família do pai.
A esgrimista competiu a maior parte da sua carreira representando o país europeu, uma das maiores potências da modalidade.
Pela Itália, a atleta conquistou três medalhas em campeonatos mundiais: duas por equipes (ouro em 2009 e bronze em 2011) e uma no individual (bronze em 2010).
Após a Olimpíada de Londres, ela não teve mais espaço na equipe italiana e decidiu paralisar a carreira no esporte para se dedicar a outras. Estudou filosofia na Universidade Sorbonne, foi modelo, produtora de eventos e diretora de arte.
Em 2010, ela já havia criado um espetáculo de dança coreografada com esgrima para a cerimônia de abertura do Mundial de Paris. Depois, produziu o primeiro calendário fotográfico mundial com atletas da modalidade.
Em novembro de 2013, fez a direção de arte da festa dos cem anos da Federação Internacional de Esgrima.
Nathalie voltou a competir em 2014, após receber um convite para representar o Brasil, país que ela estava acostumada a visitar para ver a avó quando era criança.
“Sempre tive o sonho de me aproximar ao Brasil. A oportunidade dos Jogos Olímpicos do Rio me pareceu o momento certo para dar esse passo”, afirmou Nathalie à Folha na ocasião.
Pelo país, Moellhausen foi medalhista de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Toronto-2015 e chegou até as quartas de final na Olimpíada do Rio-2016, o melhor resultado do país na história do evento ao lado do obtido por Guilherme Toldo, no florete, também nos Jogos do Rio.
Folha de São Paulo

Por falta de soros contra raiva e venenos de animais peçonhentos, Hospital Giselda Trigueiro recomenda que escolas no RN cancelem aulas de campo

Sinal de alerta ligado. O portal G1-RN noticia nesta quinta-feira(18) que a direção do Hospital Giselda Trigueiro, referência no tratamento de doenças infectocontagiosas e no atendimento a pessoas atacadas por animais peçonhentos, solicitou que a Secretaria de Educação recomende às escolas públicas e privadas do Rio Grande do Norte que evitem aulas de campo aumentem a exposição dos alunos a animais peçonhentos como cobras, aranhas e escorpiões, e ainda transmissores de raiva, como morcegos, saguis, raposas, equinos, bovinos, suínos, cães, gatos e outros tantos. O motivo é a falta de soros na unidade. O ofício foi encaminhado à pasta na última terça-feira (16) e é assinado pelo diretor-geral do hospital, André Prudente.
Segundo a recomendação, enquanto houver desabastecimento dos soros contra venenos e contra a raiva a situação deve ser levada em consideração. Ainda segundo a recomendação, deve-se evitar visitas ecológicas, piqueniques, passeios ou quaisquer outras modalidades pedagógicas em matas ou parques, incluindo os urbanos.

Previdência: concessões reduzem economia da reforma para R$ 933,5 bi


Wellton Máximo
O secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, fala à imprensa, sobre saques do FGTS.Os acordos entre os partidos para aprovar concessões à reforma da Previdência reduziram para R$ 933,5 bilhões a economia estimada em 10 anos. O número foi divulgado hoje (18) pelo secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho.
Logo após o fim da votação que aprovou em primeiro turno a reforma da Previdência, na última quinta-feira (11), Marinho disse que o impacto fiscal ficaria próximo de R$ 900 bilhões, mas os números só foram detalhados hoje. A economia virá tanto por meio da redução de gastos com a Previdência, o abono salarial e o combate às fraudes no Benefício de Prestação Continuada (BPC), como por meio do aumento da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) dos médios e grandes bancos.
Do impacto fiscal de R$ 933,5 bilhões, R$ 654,7 bilhões virão da redução de gastos no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que abrange a Previdência dos trabalhadores da inciativa privada e das estatais, e R$ 159,8 bilhões deixarão de ser gastos no Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), que atende aos servidores públicos federais.
A restrição do abono salarial a quem ganha até R$ 1.364,43 gerará economia de R$ 76,4 bilhões. A introdução na Constituição de critérios mínimos de renda para o BPC, de forma a prevenir fraudes e questionamentos na Justiça, reduzirá os gastos em R$ 23,4 bilhões em 10 anos. Do lado das receitas, a elevação de 15% para 20% da CSLL dos bancos reforçará os cofres federais em R$ 19,2 bilhões, abaixo dos R$ 50 bilhões estimados pela comissão especial que aprovou a proposta na Câmara.
O secretário de Previdência do Ministério da Economia, Leonardo Rolim, ressaltou que os cálculos obedecem a normas internacionais do Banco Mundial e da Organização Internacional do Trabalho (OIT).

Desidratação A proposta original do governo previa economia de R$ 1,236 trilhão nos próximos 10 anos. Depois da retirada de alguns pontos, como capitalização, mudanças na aposentadoria rural e redução do valor do BPC, a primeira versão do relatório na comissão especial apresentou economia menor, de R$ 1,13 trilhão.
Após a retirada de mais pontos, como a mudança de destinação de receitas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o fim da isenção para exportadores rurais, a economia final na comissão especial tinha sido estimada em R$ 987,5 bilhões. No plenário da Câmara, a proposta teve uma emenda e três destaques aprovados que reduziram ainda mais a economia.
Uma emenda fruto de acordo da bancada feminina restringiu o pagamento de pensões inferiores a um mínimo ao dependente sem outra fonte formal de renda e antecipou em cinco anos a integralidade da aposentadoria da trabalhadora da iniciativa privada. Um destaque reduziu a idade mínima para aposentadoria de policiais e agentes de segurança que servem à União para 53 anos (homem) e 52 anos (mulher). Outro destaque reduziu para 55 anos (homens) e 52 anos (mulheres) a idade mínima para aposentadoria para professores. O último destaque aprovado reduziu para 15 anos o tempo mínimo de contribuição para homens.

Concertação nacional Apesar das concessões ao longo dos últimos meses, o secretário especial Rogério Marinho comemorou a aprovação do texto no formato atual e disse ter recebido parabéns do ministro da Economia, Paulo Guedes. “Há uma concertação nacional favorável à responsabilidade proativa. O país amadureceu, entendeu e incorporou o tema. E o Parlamento foi o arauto desse processo. Acredito que uma PEC [Proposta de Emenda à Constituição] com esse tipo de impacto na vida da sociedade, ter esse nível de aceitação, é um feito extraordinário”, declarou.
Marinho ressaltou que o impacto fiscal continua “extremamente relevante”, mesmo tendo ficado abaixo do R$ 1 trilhão pedido pela equipe econômica, e disse que a aprovação da medida provisória que visa à redução de fraudes no INSS gerará economia extra em torno de R$ 200 bilhões nos próximos 10 anos, o que permitirá ao governo prosseguir com a reforma tributária, a revisão do pacto federativo, a reforma administrativa e a simplificação do Estado.
O secretário defendeu a reinclusão, pelo Senado, dos estados e dos municípios na reforma da Previdência, por meio de uma PEC paralela, que tramitará enquanto o restante da reforma será promulgado após a aprovação pelos senadores.

Barcelona oferece R$ 422 milhões e mais dois jogadores por Neymar, diz TV

A novela envolvendo o futuro de Neymar ganha novos capítulos a cada dia que passa. Desta vez, de acordo com a ‘Sky Sports’, o Barcelona fez sua primeira proposta oficial pelo craque, no valor de 100 milhões de euros (R$422 milhões) e ainda mais dois jogadores.
Os dois atletas em questão seriam de acordo com uma lista enviada pelo Barcelona, na qual o Paris Saint-Germain escolheria dois nomes entre seis, sendo eles Philippe Coutinho, Ousmane Dembele, Ivan Rakitic, Nelson Semedo, e Malcom, sendo o sexto nome ainda não informado.
Ainda segundo a emissora, no entanto, o PSG está irredutível e quer os mesmos 222 milhões de euros pagos (R$937 milhões) para contratar Neymar em 2017.
A situação de Neymar no Paris Saint-Germain parece estar bem desgastada. O jogador já teria comunicado o seu desejo de deixar o clube. O diretor de futebol Leonardo, e o treinador da equipe, Thomas Tuchel, também já admitiram que o brasileiro quer sair.
R7, via Lancenet

Mercosul decide pelo fim da cobrança de taxas para celulares; usuários poderão usar os serviços sem custo adicional quando estiverem nos países

Os países-membro do Mercosul assinaram na quarta-feira (17) um acordo que prevê o fim da cobrança de roaming internacional durante a 54ª reunião de cúpula do bloco, sediada em Santa Fé, na Argentina.
Com isso, usuários de telefonia móvel do Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai poderão usar os serviços de telecomunicação sem custo adicional quando estiverem dentro desses países. O acordo, porém, ainda precisa ser aprovado pelos respectivos Congressos.
A iniciativa é semelhante à tomada pela União Europeia (UE) em junho de 2017, quando o bloco se se tornou o primeiro do mundo a eliminar as tarifas, tanto para chamadas, envio de SMS e consumo de dados de internet.
O roaming gratuito europeu foi pensado para as pessoas que viajavam ocasionalmente para outros países, desde que seus celulares fossem usados mais tempo dentro de seu país do que fora.
Segundo estimou o secretário de Modernização da Argentina, Andrés Ibarra, 200 milhões de usuários se deslocam pela região do Mercosul e aqueles que residem em áreas de fronteira serão os mais beneficiados.
Uma vez em vigor, a reforma poderá ser aplicada imediatamente às companhias telefônicas, disse Ibarra.
Roaming um pacote adicional oferecido pelas empresas de telefonia que permite a utilização dos serviços de comunicação via celular em regiões fora de cobertura da operadora contratada.
O funcionamento do roaming depende dos pacotes e dos preços de cada operadora. Há aquelas que oferecem planos para todos os tipos de utilização do celular: ligação, mensagens de texto e internet.
Mas também há aquelas que oferecem planos promocionais específicos para o uso das redes sociais mais populares, como WhatsApp e Instagram. Os valores dos serviços podem variar também conforme o país.
Comprar um chip da operadora local do país visitado também é uma alternativa para quem não quer gastar com roaming. “A iniciativa beneficiará o viajante que não terá de comprar um chip local para fazer ligações”, comemorou o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Leonardo Euler.
Estadão, com informações da AFP

Bolsonaro anuncia inclusão de autistas no Censo 2020


Pedro Rafael Vilela
O presidente da República, Jair Bolsonaro, discursa na 54ª Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul, em Santa Fé, Argentina.O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (18), em sua conta oficial no Twitter, que sancionou a lei que obriga a inclusão, no censos demográficos, de informações específicas sobre pessoas com autismo. Atualmente, não existem dados oficiais sobre as pessoas com transtorno do espectro autista (TEA) no Brasil.
"Atendendo à necessidade da comunidade autista no Brasil e reconhecendo a importância do tema, sancionamos hoje a Lei 13.861/2019 que inclui dados específicos sobre autismo no Censo do IBGE. Uma boa tarde a todos!", tuitou Bolsonaro.
A expectativa inicial era que presidente vetasse o texto e tentasse incluir eventuais questionamentos sobre os autistas na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD). Pelo Twitter, Bolsonaro chegou a compartilhar, na semana passada, um vídeo da presidente do Instututo Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Susana Guerra, em que ela defendia a inclusão dos autistas na PNAD e não no censo demográfico.
Os dois levantamentos são organizados pelo IBGE, mas o censo é realizado a cada dez anos e apura a totalidade dos dados demográficos. Nesta quinta-feira pela manhã, no Palácio do Alvorada, o presidente chegou a dizer, a um grupo de pessoas que pediam a sanção do projeto, que seguiria a orientação de sua equipe, favorável ao veto.

Autismo O Transtorno do Espectro Autista resulta de uma desordem no desenvolvimento cerebral e engloba o autismo e a Síndrome de Asperger, além de outros transtornos, que acarretam modificações na capacidade de comunicação, na interação social e no comportamento. A estimativa é que existam 70 milhões de pessoas no mundo com autismo, sendo 2 milhões delas no Brasil.

O que é a Área 51, que 1 milhão de pessoas querem invadir para ‘caçar ETs’

A Área 51 é a Meca das especulações ufológicas. Recentemente, ela voltou aos holofotes graças a uma inusitada proposta: a de reunir todos aqueles que “questionam” os propósitos da base aérea americana para uma visita forçada às premissas.
Essa “ideia” surgiu na última sexta à noite e invadiu a internet no fim de semana. Se você estava pelo Twitter nos últimos dias, com certeza deve ter se deparado com algum meme sobre o assunto.
Bem, essa maluquice toda começou quando a streamer de videogames SmyleeKun achou que seria uma boa ideia criar um evento no Facebook propondo uma invasão em massa à Área 51 para “resgatar alienígenas”. Se todo mundo que interagiu com o evento aparecesse lá, seriam 2 milhões de pessoas indo até o remoto Condado de Lincoln, em Nevada, com o único propósito de invadir essa misteriosa área.
Com o nome “Assalto a Área 51, eles não podem deter todos nós”, o evento marca para 20 de setembro a realização dessa empreitada. E, na descrição, elabora até um plano de ação: “Todos nos encontraremos na atração turística Área 51 Alien Center e coordenaremos nossa entrada. Se corrermos como o Naruto, podemos nos mover mais rápido que as balas deles. Vamos ver uns aliens”.
É claro que, mesmo em um evento normal, os números do Facebook não costumam corresponder à quantidade de gente disposta a aparece de verdade. E a própria linguagem do evento deixa transparente que ele não tem a intenção de ser levado à sério.
Só que a história ganhou uma dimensão bem mais interessante (e ainda mais engraçada) quando a própria Força Aérea dos Estados Unidos, a responsável oficial pela Área 51, resolveu se pronunciar sobre o assunto.
A porta-voz da Força Aérea, Laura McAndrews, disse que ao Washington Post, que não apenas as autoridades sabiam do evento, como também estavam preparadas para reagir: “[a Área 51] é um campo de treinamento aberto para a Força Aérea dos EUA, e nós desencorajamos qualquer um de tentar entrar na área onde treinamos as forças armadas americanas. A Força Aérea dos EUA sempre está pronta para proteger os EUA e seus ativos”.
Mas, afinal, o que é que tem na Área 51?
A Área 51 nada mais é que uma base militar de segurança máxima, localizada no meio do deserto de Nevada, nos Estados Unidos, a 133 km de Las Vegas. Embora a instalação não seja acessível ao público, a região ao redor da Área 51 é um destino turístico popular, repleto de hotéis, museus e restaurantes com temática alienígena – em 1996, inclusive, Nevada trocou o nome da rodovia Rota 375 para “Extraterrestrial Highway“.
Mas o auê turístico, lógico, tem um limite: aqueles que se aventuram muito longe nas terras em torno da base são recebidos com sinais de alerta indicando que poderiam ser multados ou até mesmo presos por invadir e tirar fotos.
Se essa área é envolta em mistérios extraterrestres, no entanto, grande parte dessa culpa é dos próprios EUA. Para você ter uma ideia, o governo apenas confirmou a existência da área em 2013, quando a CIA liberou documentos sobre a base para um pedido de registro público pela Universidade George Washington. Antes disso, ninguém sequer admitia que existia um lugar chamado Área 51 – o que só deu força à lenda.
Essa história toda começou em 1955, em plena Guerra Fria, quando a base foi oficialmente criada. Acredita-se que o surgimento dela esteja intimamente atrelado ao programa de desenvolvimento do avião espião Lockheed U-2, que chegaria a altas altitudes para conseguir espionar os soviéticos.
Uma dos primeiros passos para tirar o avião do papel era encontrar uma localização secreta para realizar os testes da nova aeronave. Assim, o governo escolheu um local no deserto de Nevada, perto de um lago seco, chamado Groom Lake, que serviria como uma boa pista de pouso.
Os primeiros testes do U-2 já foram em 1955, e com isso, já surgiram relatos de pessoas que diziam ter visto objetos voadores misteriosos. Quem sabia que era o U-2 não podia abrir a boca, pois o avião (e o programa) era absolutamente secreto.
Como se já não bastasse, o governo ainda tentou justificar essas aparições “misteriosas” com histórias relacionadas a fenômenos naturais ou pesquisas meteorológicas. Essa lorota toda começou a dar lugar a suspeitas ufológicas.
As especulações chegaram ao auge no final da década de 80: o autodenominado físico Robert “Bob” Lazar foi à mídia dizendo ser um ex-funcionário da base militar. Ele categoricamente afirmou que sua função lá era realizar engenharia reversa em espaçonaves extraterrestres: o objetivo era se apropriar da tecnologia usada pelos aliens.
Daí para o surgimento de teorias de que os EUA estavam criando seres híbridos entre homens e ETs foi um pulo. É lógico que nada disso tem a ver com o que rolava na base de verdade. Ex-funcionários (reais) da base confirmaram que faziam, sim, engenharia reversa – mas em aviões de guerra estrangeiros, não em naves. Desde 2013, a CIA publica informações sobre vôos de teste que aconteceram lá ao longo dessas décadas, e os aspectos alienígenas dessas teorias foram desmascarados.
Hoje, a área se divide entre testes militares importantes e turistas curiosos por aliens. Só se espera que, em setembro, nenhum amalucado apareça por lá, estimulado pelos milhões de pessoas que curtiram o evento… Por aqui já deixamos avisado: é meme!!
Super Interessante

Anúncio sobre saques do FGTS fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) ficará para a próxima semana. Onyx falou sobre o assunto com jornalistas no início da tarde desta quinta-feira (18), ao sair do Ministério da Economia.
Ele disse que os detalhes técnicos ainda estão sendo ajustados pela equipe econômica e isso motivou o prazo de uma semana para o anúncio. Além dos saques das contas ativas do FGTS, o governo deve liberar o acesso a contas inativas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).
“Os técnicos estão fazendo ajustes e nós tomamos a decisão de que na semana próxima vai ser feita a apresentação da medida provisória que trata do Fundo de Garantia e também do PIS/Pasep. Os dois serão apresentados conjuntamente, provavelmente entre quarta e quinta-feira da semana que vem”, disse o ministro.
Ainda nesta quinta, pela manhã, o presidente Jair Bolsonaro chegou a levantar a possibilidade de fazer o anúncio hoje, durante o evento sobre os 200 dias de governo. Na ocasião, Bolsonaro lembrou que a equipe econômica ainda estava trabalhando no assunto. “Faltam alguns ajustes, não quero me antecipar à equipe econômica”, disse o presidente ao deixar o Palácio da Alvorada pela manhã.
Em sua fala aos jornalistas, Onyx ainda afirmou que o governo não fará alterações no financiamento das moradias do Programa Minha Casa Minha Vida. “Agora, uma garantia já está tomada: toda aquela parte que faz o financiamento da construção da casa própria, do Minha Casa Minha Vida, será mantido. É um programa importante, isso estará preservado.”
A ideia de liberar as contas ativas do FGTS para saque vem sendo estudada há alguns meses pelo governo. O objetivo é injetar recursos capazes de estimular a economia. Em 2016, o então presidente Michel Temer liberou saques de contas inativas do FGTS também com o objetivo de incentivar o consumo.
Inicialmente, a ideia do governo era liberar os saques apenas após a aprovação da reforma da Previdência, que ainda tramita no Congresso. A aprovação definitiva, no entanto, só deverá ocorrer – caso confirmadas as expectativas dos aliados do governo – a partir de setembro.
Hoje, o saque nas contas ativas do FGTS só é permitido em situações específicas, como no caso de o trabalhador ser demitido sem justa causa ou se for para utilizar os recursos na compra de casa própria.
Agência Brasil

AGU evita perdas de R$ 237,2 bilhões no primeiro semestre

André Richter
A Advocacia-Geral da União (AGU) anunciou hoje (18) que a atuação do órgão evitou perda de R$ 237,2 bilhões para os cofres públicos no primeiro semestre deste ano. Os valores seriam pagos pelo governo federal caso a União fosse condenada em processos judiciais envolvendo pagamentos de benefícios indevidos a servidores e a paralisação de leilões, entre outros casos.  A economia também teve origem em ações nas quais advogados públicos garantiram ressarcimentos ao erário. 
Segundo levantamento divulgado pelo órgão, a AGU obteve êxito em processos que somam R$ 204,9 bilhões, além de condenações de ressarcimento à União, no valor de 28,6 bilhões, além de cifras recuperadas em acordos de leniência no montante de R$ 3,7 bilhões.
A atuação da AGU também evitou a paralisação de obras de infraestrutura, como leilões de 12 aeroportos, dois portos, uma ferrovia e no processo de compra da Embraer pela Boeing. 
De acordo com advogado-geral da União, André Mendonça, a AGU deu provas concretas de comprometimento com a "coisa pública".
"Temos muito a avançar e não podemos esquecer que não trabalhamos para nós mesmos, nós trabalhamos para o país. O nosso compromisso é com o Brasil. Temos a reflexão de onde acertamos e onde podemos melhorar para que em seis meses vejamos muito mais resultados", diz Mendonça.
A AGU também destaca que montou uma força-tarefa para atuar nas ações contra a tramitação da reforma da Previdência, que está em tramitação na Câmara dos Deputados.

Estudo nega que homens se excitem mais facilmente do que as mulheres

A excitação sexual não depende do gênero nem da orientação sexual, segundo um estudo do Instituto Max Planck de Cibernética Biológica, localizado em Tübingen (sudoeste da Alemanha), que indica que os diferentes comportamentos podem ser causados por motivos culturais, sociais e até mesmo legislativos.
O estudo, publicado pela revista americana “Proceedings of the National Academy of Sciences”, afirma que “não há diferenças em nível neurobiológico” no grau de excitação sexual sentido por homens e mulheres diante de imagens eróticas. Os resultados diferem da maioria das pesquisas já realizadas até o momento neste âmbito.
Para chegar a esta conclusão, os responsáveis pelo trabalho analisaram dados de 61 pesquisas realizadas em diversos laboratórios e países, com um total de 1850 indivíduos analisados. Nessa amostragem havia uma comparação por gênero e orientação sexual, assim como uma série de diferentes nacionalidades.
“Os resultados desses estudos mostram que não há diferenças de gênero na resposta cerebral aos estímulos visuais de caráter sexual”, afirma a nota do Instituto Max Planck de Cibernética Biológica.
Todos esses estudos mediam a “reação espontânea e incontrolável” das pessoas analisadas diante de fotografias e vídeos eróticos, por meio de imagens por ressonância magnética funcional (fMRI, na sigla em inglês), um método não invasivo que quantifica a atividade cerebral pelo consumo de oxigênio nas diferentes regiões.
A nova análise, no entanto, encontra diferenças na reação dependendo da orientação sexual: “Os heterossexuais reagiam mais fortemente aos estímulos visuais do que os homossexuais”, explicou o neurologista Hamid Noori, responsável pelo estudo.
Também foram percebidas diferenças no grau de excitação dependendo do tipo de estímulos. As fotografias davam lugar a uma “categoria mais ampla de excitação em diferentes áreas do cérebro” do que os vídeos.
O estudo questiona as pesquisas anteriores, que indicavam “diferenças de gênero em excitação e desejo” e fomentavam “a estendida aceitação” de que “o cérebro masculino está mais orientado ao sexo do que o feminino”.
De acordo com o instituto alemão, as diferenças na conduta de homens e mulheres podem ocorrer devido a “influências sociais”, como a família, o colégio e as amizades, ao tabu sexual em “muitas culturas” e às legislações, que “contribuíram para alienar as mulheres dos seus próprios desejos sexuais”.
“O reconhecimento de que nos comportamos da mesma forma no que se refere à excitação pode ajudar a quebrar tabus e clichês”, argumentou o centro de estudos.
UOL, via EFE

ABL comemora 122 anos com sessão especial e lançamento de selo

Alana Gandra
A Academia Brasileira de Letras (ABL) comemora, hoje (18), seus 122 anos, com uma sessão especial e o lançamento, pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, do selo comemorativo que homenageia Machado de Assis e Joaquim Nabuco, integrantes do quadro de fundadores da entidade. A “obliteração”, como diz o presidente da ABL, Marco Lucchesi, será realizada na mesa que pertenceu ao poeta e acadêmico Manuel Bandeira. “É um conjunto de símbolos que a gente está articulando. É uma grande alegria”. Participam do lançamento dos selos, além do presidente da ABL, os acadêmicos Merval Pereira, José Murilo de Carvalho e Edmar Bacha.
Durante a celebração, no Salão Nobre do Petit Trianon, Lucchesi lerá o discurso do escritor Machado de Assis. “É breve, intenso. É de praxe haver na academia a leitura de Machado”, disse. Para ele, os 122 anos de existência da academia “são uma prova de fôlego, de resistência, da permanência sempre renovada da ABL. É um momento de congraçamento”. O discurso de Machado é lido em todas as datas comemorativas do aniversário.
O orador oficial do evento será o historiador e acadêmico Arno Wehling.

Medalha A Fundação Calouste Gulbenkian, sediada em Portugal e criada por testamento do filantropo armênio Calouste Sarkis Gulbenkian, em 1956, receberá a Medalha Machado de Assis de 2019. A medalha será entregue pelo acadêmico Zuenir Ventura ao cônsul-geral de Portugal no Rio de Janeiro, embaixador Jaime Leitão, representando a fundação. A escolha do ganhador da medalha este ano foi uma decisão unânime dos acadêmicos.
No final da cerimônia, haverá apresentação do Quarteto de Clarinetes da Banda Sinfônica Brasileira.

Mais de 11 mil famílias pediram desligamento do Bolsa Família em 2019

Mais de 11 mil famílias solicitaram desligamento voluntário do Bolsa Família em 2019, segundo o Ministério da Cidadania. Geralmente, ocancelamento do benefício é pedido quando beneficiário consegue um emprego formal. 
O programa atende cidadãos em situação de pobreza e de extrema pobreza e inclui famílias com renda por pessoa entre R$ 89,01 e R$ 178 mensais, desde que tenham crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos.
Segundo a pasta, se a família que solicitou o desligamento voluntário precisar novamente do benefício, o processo é simples. Se o pedido foi há menos de 36 meses, basta procurar o setor responsável pelo Bolsa Família na sua cidade, levar a documentação e solicitar a reversão do cancelamento.
Famílias consideradas abaixo da linha da pobreza, com renda per capta de até R$ 178 por mês, tem retorno garantido ao programa. Para solicitar a reinclusão, o beneficiário deve procurar o setor responsável pelo Bolsa Família de seu município. É necessário levar CPF ou título de eleitor e documento de identificação do responsável familiar. Além disso, é preciso apresentar a documentação de todos os integrantes da família, para atualizar o cadastro.
Os municípios e o Distrito Federal são os responsáveis pelo cadastramento das famílias — assim, as famílias interessadas devem ir ao setor do Bolsa Família e do Cadastro Único em sua cidade. Em muitos locais, o cadastramento também pode ser realizado nos Centros de Referência da Assistência Social (Cras).

CONSELHO E SECRETARIA DISCUTEM EXECUÇÃO DAS PROPOSTAS APROVADAS NA CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE SANTA CRUZ


O Conselho Municipal de Saúde se reuniu nesta quarta-feira (17) com técnicos da Secretaria Municipal de Saúde de Santa Cruz para discutir os resultados da 7° Conferência Municipal de Saúde do município. A reunião, que aconteceu no Teatro Municipal Candinha Bezerra, e discutiu a programação de implantação das propostas que foram aprovadas durante a Conferência de Saúde. No encontro, a secretária de Saúde, Myllena Bulhões Ferreira, afirmou que o município fará todos os esforços para cumprir as propostas dentro do possível orçamentário da gestão municipal. Já os integrantes Conselho Municipal de Saúde afirmaram que continuarão fiscalizando a execução dos serviços para buscar avançar na atenção básica de saúde. O Conselho Municipal de Saúde se reúne regularmente com a gestão municipal para garantir que a população possa colaborar com a execução de políticas públicas voltadas para a área de saúde em Santa Cruz.

FINAL DE SEMANA COM FESTIVAL MAESTRO FELINTO LÚCIO DANTAS

 
Neste final de semana acontece o 10º Festival Maestro Felinto Lúcio Dantas. O evento é realizado em parceria entre a Associação Musical de Santa Cruz (ASSOMUSC) e a Prefeitura de Santa Cruz e importante apoio da Fecomércio/SESC-RN. O festival acontece no Teatro Candinha Bezerra, a partir das 19h30 nas duas noites, com entrada gratuita. Nas imagens, você confere as bandas que irão se apresentar nos dois dias de evento.

Sabe aquele cafezinho de cada dia? Ele pode aumentar chance de pressão alta


O consumo habitual de mais de três xícaras de café de 50 ml por dia aumenta em até quatro vezes a chance de pessoas geneticamente predispostas apresentarem pressão arterial alta. A descoberta faz parte de um estudo desenvolvido na Universidade de São Paulo (USP) e publicado na revista Clinical Nutrition.
Estudo anterior mostra, por outro lado, que o consumo moderado de café (de uma a três xícaras por dia) tem efeito benéfico sobre alguns fatores de risco cardiovascular – particularmente a pressão arterial.
A principal autora do estudo, Andreia Machado Miranda, pós-doutoranda no Departamento de Nutrição da Faculdade de Saúde Pública da USP (FSP-USP), explica que essa conclusão chama atenção para a importância da relação entre o consumo de café e a prevenção da pressão alta. “Como a maior parte da população não tem ideia se é predisposta ou não para desenvolver a pressão alta, o ideal é que se faça um consumo moderado de café. Até onde nós sabemos, pelos nossos estudos e por outros já publicados, esse consumo moderado é benéfico para a saúde do coração”, apontou.
A escolha do café para avaliar essa associação se deu por ser uma das bebidas mais consumidas entre os brasileiros. A pesquisa aponta que ele pode ser protetor para a saúde do coração se usado de forma moderada, mas também pode ser vilão para pessoas predispostas a hipertensão e em doses exageradas. Segundo Andreia, isso ocorre porque o café é uma mistura de mais de 2 mil compostos químicos.
Cafeína
“A hipótese do nosso estudo é que mais de três xícaras podem aumentar as chances [de pressão alta] pela presença da cafeína. A cafeína está associada com a resistência vascular, ou seja, a dificuldade com a passagem do fluxo nos vasos, e também provoca vasoconstrição, que é a contração a nível dos vasos sanguíneos, o que dificulta a passagem do fluxo e tudo isso faz com que haja um aumento da pressão arterial”, explicou.
Os polifenóis, por sua vez, seriam os responsáveis pelas ações benéficas. “São compostos de origem vegetal que não são sintetizados pelo organismo, então precisam ser obtidos pela dieta. Eles têm elevado poder antioxidante, tem uma ação antitrombótica, que significa que impedem a formação de trombos nos vasos, e promovem uma melhoria da vasodilatação, ao contrário do efeito da cafeína”, elencou a pesquisadora.
Dados
A pesquisa é baseada em dados de 533 pessoas entrevistadas no Inquérito de Saúde do Município de São Paulo (ISA), de 2008. O levantamento estadual obteve dados sociodemográficos e de estilo de vida, como idade, sexo, raça, renda familiar per capita, atividade física e tabagismo por meio de um questionário aplicado a mais de 3 mil participantes. Além disso, foram colhidas informações sobre consumo alimentar e feita coleta de sangue para análises bioquímicas e extração de DNA para genotipagem. Em visita domiciliar, foram medidos o peso, a altura e a pressão arterial dos voluntários. Para a pesquisa desenvolvida por Andreia, foi utilizada uma mostra representativa de adultos e idosos.
“Com todos esses dados, fizemos o estudo de associação entre pressão arterial, genética e influência do café. Foi aí que concluímos que indivíduos que tinham uma pontuação mais elevada no score, ou seja, que eram geneticamente predispostos [a pressão alta], e que consumiam mais de três xícaras de café por dia, tinham uma chance quatro vezes maior de ter pressão alta em relação a quem não tinha predisposição”, explicou a pesquisadora.
Pesquisa
A pesquisa, que tem apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), vai avaliar agora o efeito do consumo de café em pacientes com doença cardiovascular – particularmente a síndrome coronariana aguda, causada por obstrução na artéria coronária, que irriga o coração. Os pesquisadores vão avaliar, durante quatro anos, os dados de acompanhamento de 1.085 pacientes que sofreram infarto agudo do miocárdio ou angina instável e foram atendidos pelo Hospital Universitário da USP.

Estadão Conteúdo

PDT suspende Tabata Amaral e mais sete deputados que votaram pela reforma

A deputada Tabata Amaral (SP) e outros sete parlamentares do PDT foram suspensos do partido por terem votado a favor do texto-base da reforma da Previdência no primeiro turno da análise da proposta na Câmara. Eles responderão a processo administrativo na Comissão de Ética do partido, que prevê uma decisão em até 60 dias.
A executiva nacional do PDT se reuniu nesta quarta-feira, 17, para debater a situação dos dissidentes, que contrariaram a orientação da legenda e apoiaram mudanças na aposentadoria. “Por decisão da maioria, os deputados também estão com suas representações partidárias suspensas até que o processo seja concluído, o que pode demorar até 60 dias”, informou a sigla. A possibilidade de punição aos “infiéis” foi antecipada pelo jornal O Estado de S. Paulo.
De acordo com o presidente do PDT, Carlos Lupi, a decisão do diretório nacional é soberana e representa todas as instâncias partidárias. “O diretório nacional decidiu. Temos uma proposta (de reforma da Previdência) paralela que Ciro (Gomes, candidato derrotado do partido à Presidência em 2018) está nos ajudando a levar a todos os cantos do Brasil e que achamos que seja uma reforma justa. Todos tiveram todas as instâncias partidárias para discutir, apresentar propostas”, disse Lupi.
O presidente do PDT afirmou, no entanto, que o posicionamento dos dissidentes pode “evoluir”, já que a proposta será votada em segundo turno, no mês que vem. “É importante lembrar que ainda terá uma segunda votação na Câmara, em agosto. O ser humano vive da evolução. E acho que todos podem evoluir durante esse processo”, declarou.
Além de Tabata, votaram a favor da reforma e estão suspensos os deputados Alex Santana (BA), Flávio Nogueira (PI), Gil Cutrim (MA), Jesus Sérgio (AC), Marlon Santos (RS), Silvia Cristina (RO) e Subtenente Gonzaga (MG). Ao todo, partidos de oposição entregaram 19 votos a favor da reforma – além dos oito votos do PDT, houve 11 dissidentes do PSB.
O líder do PDT na Câmara, André Figueiredo (CE), afirmou que vai substituir os deputados suspensos das comissões de que fazem parte na Casa. “Nas mais importantes, nós deveremos, sim, fazer substituições, para que os deputados que ocupem esses espaços nessas comissões sigam, evidentemente, a orientação do partido”, disse. Segundo o líder, Tabata e Silvia Cristina já foram substituídas nos cargos de vice-líder do partido na Câmara.
Tabata não comentou a suspensão. Após votar a favor da reforma, ela disse: “A reforma que votamos não pertence mais ao governo. Ela sofreu diversas alterações feitas por esse mesmo Congresso. O sim que digo à reforma não é sim ao governo e também não é um não a decisões partidárias. Meu voto é um voto de consciência”.
A comissão de ética do partido afirmou nesta quarta que os oito parlamentares suspensos terão amplo espaço de defesa. Depois, um relatório será encaminhado à executiva nacional da legenda, que, por sua vez, levará o parecer ao diretório nacional.
Suspenso, o pedetista Alex Santana afirmou ao Estadão/Broadcast que manterá o posicionamento pró-reforma na votação do segundo turno. “Estamos perdendo a oportunidade de oxigenar o partido, a oportunidade de fazer uma discussão da pluralidade que temos hoje. (A suspensão) É uma decisão que poderia ter sido melhor trabalhada internamente.”
Os outros deputados suspensos não se manifestaram.
Estadão Conteúdo