segunda-feira, 26 de junho de 2017

Fórum Nacional Eólico – Carta dos Ventos irá reunir no RN os principais representantes do setor no Brasil

Começa nesta terça-feira, 27 de junho, na Escola de Governo, a 9ª edição do Fórum Nacional Eólico – Carta dos Ventos, o mais importante encontro político-empresarial do setor no país. O evento tem como anfitrião o Governo do Rio Grande do Norte e conta com ​o apoio da Associação Brasileira de Energia Eólica – ABEEólica. Será aberto oficialmente às 14h, pelo governador Robinson Faria. Na abertura estarão presentes o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Flávio Azevedo, e o vice-governador de Pernambuco, Raul Henry, que também é titular da pasta de Desenvolvimento Econômico daquele estado.
Mais de dois terços das operações do setor eólico nacional estão concentradas na Região Nordeste do Brasil. Com a liderança do Rio Grande do Norte, estados como a Bahia, o Ceará, Piauí e Pernambuco são os que mais possuem empreendimentos instalados e continuam atraindo novos investimentos graças aos fatores naturais, como a posição geográfica e o vento, que beneficiam o desenvolvimento de energias renováveis, em especial a eólica.
Promovido pela Viex Américas e o Cerne, o evento conta com o patrocínio da Força Eólica do Brasil, Ambientare, FINEP, Banco do Nordeste, Fecomercio RN​, CRN-Bio, A Lasca Arqueologia, CPFL Renováveis e New Wind Service.
Este ano, o Fórum Nacional Eólico – Carta dos Ventos deverá superar as expectativas em relação à edição anterior, que reuniu mais de 80​0 participantes em dois dias de debates, troca de conhecimento e relacionamento. O Governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SEDEC) apoiou a mobilização de várias entidades empresariais do Estado.
A programação terá seções executivas, com reuniões fechadas pelas manhãs e plenárias com acesso gratuito, à tarde. Na terça-feira (27), às 9h, haverá sessão executiva sobre os Desafios Operacionais de Parques Eólicos. Às 14h o evento será aberto a todos os participantes e, após a solenidade de abertura será realizada a palestra “O Poder e o Setor Eólico – as intenções e objetivos dos governos federal e dos estados quanto aos empreendimentos eólicos, a infraestrutura e a matriz elétrica nacional”.
No segundo dia do evento (28 de junho), às 9h, será realizada sessão plenária sobre “Meio Ambiente, Patrimônio e Sociedade”, seguida de outra sobre “Negócios eólicos”. Á tarde, haverá discussão sobre “Talentos, ciência e tecnologia – status das iniciativas de formação profissional, capacitação técnica, pesquisa e inovação tecnológica no setor eólico nacional e regional”, e o encerramento do fórum.