domingo, 30 de novembro de 2014

Sandra e Rosalba planejam acordão em Mossoró para 2016


sandra rosalba gazeta
Domingo 30 de novembro 2014 (14:07)


É o que garante o jornal Gazeta do Oeste: Tudo indica que, durante o veraneio, o sandrismo (núcleo político da família Rosado liderado pela deputada Sandra Rosado) vai baixar à guarda para o rosalbismo (núcleo da família Rosado liderado pelo ex-deputado Carlos Augusto) e, com isso, as duas correntes da mesma família, inimigas há décadas, ensaiam uma “paz pública”, cuja intenção principal dos grupos é a busca pela sobrevivência.
A decisão não será tomada por conciliação, afinidade ideológica ou pessoal, mas por uma pura necessidade de manutenção no tabuleiro da complexa política mossoroense. Com a derrota da deputada federal Sandra Rosado (PSB) e da estadual Larissa Rosado (PSB) no pleito passado, além da inelegibilidade de Rosalba Ciarlini (DEM) que deixa o governo com 70% de rejeição, os dois grupos parecem não ver outro caminho.
A atual chefe do Poder Executivo norte-rio-grandense deve migrar pra outra agremiação partidária. Nos meios políticos, especula-se que o destino será o Partido Progressista (PP) que conseguiu eleger o jovem filho do deputado federal Betinho Rosado (PP), Betinho Segundo (PP), agora chamado de Beto Rosado.